publicidade

CIDADE

Ação civil pode beneficiar moradores que sofrem com falta de água

por Redação Radar no dia 12 de outubro de 2017 às 13:59
Foto: Reprodução Internet

O Ministério Público estadual considerou uma ação civil pública que beneficiaria os moradores das áreas que penam com a constante falta de agua. A ação pedia o impedimento da Embasa de cobrar o valor total da tarifa nos meses que o serviço fosse interrompido, limitando-se ao valor da tarifa social, e que a Justiça garanta o fornecimento de agua a todas as residências.

Em nota, a autora da ação, a promotora de Justiça Ana Paula Limoeiro informou que, é possível observar que há descontinuidade do serviço, seja ela por interrupção, suspensão ou pela falta de vazão da agua que não possui pressão suficiente para chegar às residências.

Além disso, caso ocorra interrupção ou desabastecimento, a ação prevê a garantia do abastecimento de água temporário através de carros-pipa pela Embasa e também a divulgação de quanto tempo durara a interrupção e quando ela ira ocorrer.

LEIA OUTRAS NOTÍCIAS

Homem esfaqueia ex-cunhada e depois se mata na Estação Mussurunga

Mulher sem cinto é arremessada em acidente; veja o vídeo

Notícias: CIDADE
por Elaine Silva no dia 23 de outubro de 2017 às 17:20 em
por Alef Risutti no dia 23 de outubro de 2017 às 12:20 em
por Isabela Rocha e Alef Risutti no dia 23 de outubro de 2017 às 11:11 em

publicidade

publicidade

© Copyright 2016 - Radar da Bahia - Grupo Radar